Produtividade: Querer abraçar o mundo, isto é, querer dar conta de tudo quanto é assunto que apareça pela frente é uma das principais formas de nos desviarmos dos nossos objetivos.

A dica de hoje é baseada no livro “Equilíbrio e resultado”, de Christian Barbosa. O autor é um dos principais especialistas no tema produtividade no Brasil.

Como saber se estou tentando abraçar o mundo?

Um traço característico na história de vida de pessoas que tentam abraçar o mundo é que elas estão sempre cheias de ideias, iniciam muitos projetos, às vezes ao mesmo tempo, mas dificilmente os concluem, porque sempre surgem novas ideias e depois outras, e depois mais outras.

Essa forma de conduzir as coisas implica sempre em grande dispêndio (ou podemos dizer, desperdício) de energia, estresse e frustração pelo resultado não colhido.

Por que somos tentados a querer abraçar o mundo?

Alguns fatores contribuem para que tentemos cada vez mais abraçar o mundo. Listamos a seguir alguns deles, os de maior impacto.

#1. A dificuldade em definirmos o que realmente é importante

Sem esse parâmetro, tudo se apresenta aos nossos olhos como uma possibilidade e para não a perdermos, nos lançamos a ela de corpo e alma.

Literalmente, estamos atirando para todos os lados, na esperança de que em algum momento acertemos o alvo. Mas o resultado mais provável é que, ou seremos tomados pela desmotivação, ou logo nos encantaremos com uma nova oportunidade.

#2. O excesso de informações

Em nenhum outro momento da história o excesso de informações foi tão brutal como nos dias atuais. Os veículos de comunicação em massa estão presentes há décadas, mas a internet veio para dar uma nova dimensão a esse bombardeio ininterrupto de informações contra o qual desenvolvemos ainda poucas defesas.

#3. A nossa ansiedade

Na pressa de querer solucionar alguma questão, um turbilhão de ideias invade a mente. Juntando essa ansiedade com o excesso de informações e a falta de clareza sobre o que realmente é importante, formamos um explosivo caldeirão de onde dificilmente sairão resultados satisfatórios.

Conclusão

A boa notícia, mais uma vez, é que a solução está ao nosso alcance. Afinal, quem é que toma por você a decisão de querer abraçar o mundo?

Leia os artigos complementares desse assunto aqui:

Produtividade Não tente Abraçar o Mundo Parte 1
Produtividade Não tente Abraçar o Mundo Parte 2