Empreender não é algo trivial. Quem inicia um novo negócio muitas vezes se depara com situações para as quais não está preparado. Por isso é importante conhecer os três perfis do empreendedor, essenciais ao sucesso de qualquer empreendimento.

O que são os três perfis do empreendedor?

São três diferentes conjuntos de competências que, quando estão presentes e bem dosados, invariavelmente conduzem o negócio ao sucesso.

A ausência de um desses perfis certamente condenará o negócio, ou ao fracasso total, ou a resultados aquém do esperado.

Mesmo com os três perfis presentes, há ainda a necessidade do equilíbrio entre eles, sob o risco de um impactar negativamente o outro.

Como o impulso empreendedor geralmente nasce de uma aspiração individual, o ideal é que esse empreendedor traga dentro de si esses três perfis. Se estivermos falando de uma iniciativa coletiva, os três perfis precisam estar bem distribuídos dentro do grupo.

Os três perfis a que estamos nos referindo são o de técnico, o de gestor e o de estrategista.

O empreendedor com perfil técnico

Normalmente, é um profissional que, trabalhando em uma empresa, atinge um grau de maestria em determinada atividade. O impulso para empreender está ligado ao sonho de  “trabalhar para si mesmo e não para os outros”.

O empreendedor com perfil estrategista

É aquele que tem facilidade para identificar oportunidades e projetar inovações. O impulso para empreender está implícito no perfil.

O empreendedor com perfil gestor

A importância desse terceiro perfil fica mais evidente primeiro nos movimentos para tirar o projeto do papel e depois, na necessidade de manter a operação de forma plena e sustentável.

O necessário equilíbrio entre os três perfis

Quando o perfil técnico sufoca ou suprime os demais, o sonho de ser o dono do próprio negócio vai aos poucos sendo substituído pelo pesadelo de ser o escravo do próprio negócio.

Se o que prevalece é somente o perfil do estrategista, o negócio tende a não ganhar solidez, com resultados práticos muito inferiores aos projetados.

E o perfil gestor, mais uma vez, é aquele que dá consistência ao negócio. Ora, sem os outros perfis, não há negócio.

Portanto, somente o equilíbrio entre os três perfis do empreendedor é capaz de conduzir um negócio ao sucesso.